9/18/2008

Cai em 4,2% o valor das marcas, reflexo da crise econômica.


Entre os dados analisados entre Janeiro e Setembro, segundo o relatório da Brand Finance, a crise econômica que vem abalando os mercados mundiais na última semana fez com que as marcas mais valiosas perdessem o valor de 47,1 mi de euros. O mesmo se dá a um decréscimo de 4,2%.
Marcas como o McDonald’s, Exxon, Wal-Mart e AT&T continuam a Ter o mesmo grau de participação no mercado, mesmo com o terremoto econômico. Já outras Big Brands, estão sentindo o reflexo do abalo econômico como a L’Oreal, Coca-Cola, Nike e Starbucks, que tem perdido valor de marca . Com a recessão econômica, os consumidores tiveram que cortar dos gastos certos produtos e mudar hábitos alimentares que não são essenciais, assim como o café e a sua linha de produtos derivados, dessa forma a Starbuscks vem sendo prejudicada. Para as empresas do setor petrolífero e gás natural o a crise mundial está a favor, faz com que quatro marcas do ramo subam para o Top5 de marcas mais valiosas do mundo, isso devido os constantes aumentos do preço do petróleo. Só a Shell subiu em 12,8%.
Conforme a mudança no comportamento do consumidor, pelas pessoas se preocuparem cada vez mais com a saúde e o bem-estar, as marcas que são agregadas aos produtos saudáveis também valorizaram. O McDonald’s é um bom exemplo, se manteve no patamar e mudou seu posicionamento referente aos seus produtos, colocando em seus cardápios uma alimentação saudável além do só fattening food.
Postar um comentário