10/26/2009

Liberdade de expressão.


O Google criou hoje no YouTube um canal que defende a liberdade de expressão tanto na internet, quanto fora dela. Aproveitando a aproximação do dia 9 de novembro, data em que ocorreu a queda do muro de Berlim (1989), o canal Google Free Expression além de comemorar a fato histórico, quer promover o poder democrático na internet. Ação propícia para um cenário mutante na era da informação.

Já é passado: nos grandes veículos de comunicação que conhecemos, não só aqui do Brasil, mas no mundo inteiro, existiu a manipulação de informação. Por diversos fatores, sejam eles interesses políticos, governamentais ou organizacionais privados, nós leitores, estávamos a mercê de ler o que o mercado oferecia como “informação”. O que está mudando, já que conteúdo na internet é o que mais cresce a cada dia.

Eu não defendo nenhuma empresa, marca ou partido político que me agrade aqui no MKTfocus, faço questão de colocar aqui para todos os leitores, quais são as empresas que estão inovando e fazendo do nosso país uma nação mais digna de se viver e um mundo com mais oportunidades para todos. Sim, eu sou nacionalista, acredito no Brasil e em alguns gringos que investem na gente também.

“A maioria do que se lê por aí é duvidoso, mesmo o que sai nos grandes jornais.” Comenta Tiago Ferreira, jornalista. E é a mais pura verdade. Não que estejamos desprezando o trabalho dos grandes jornais e revistas de diversas editoras pelo mundo, com tantos profissionais de qualidade que possuem para nos dar as informações na medida certa, centralizada e focada nos nossos interesses mútuos. Mas, ao vivenciar e trabalhar com isso, sabemos muito bem qual é a influência política em muitas informações, seja do governo, empresas, organizações ou pessoas.

Um cenário que está mudando, de acordo com o comportamento dos leitores pelo mundo, que agora sabem peneirar a informação e quais são as fontes confiáveis para se ler uma notícia. Promessa de muitos blogs que estão aparecendo e brilhando na da web. Muitos blogueiros ganharam credibilidade na internet por falarem o que querem, sem preocupações e influências. São blogueiros que falam de moda, mercado, publicidade, política, saúde, economia, empregos, negócios, cultura, cotidiano, educação, esporte, tecnologia, etc. Alguma semelhança com cadernos de um jornal? Sim, porem com poucos investimentos para conteúdos de mais qualidade, com filmes, pesquisas, entrevistas e mega produções.

Posso afirmar que existe muito conteúdo de qualidade na blogosfera, profissionais conceituados e experientes que estão lançando informação na medida certa, informação que pode ir muito mais além do que o NYtimes ou uma Veja da vida. E a tendência está ficando cada vez mais clara para quem sabe peneirar um bom conteúdo na internet.

Imagens: Reprodução.

Postar um comentário