1/06/2010

Consumidores estão mais dispostos a pagar por conteúdo profissional online


Mais consumidores globais estão dispostos a pagar pelo conteúdo online oferecido no cyberspaço, ou estão abertos a publicidade em troca do conteúdo. Mas as atitudes variam muito pelo tipo de conteúdo, geografia e demografia, de acordo com uma nova pesquisa da Nielsen.

Nielsen entrevistou mais de 27.000 consumidores em 54 países para determinar o comportamento desses consumidores em relação ao conteúdo pago na internet.

Mais da metade (57%) dos consumidores mundiais estão dispostos a pagar por conteúdo produzido profissionalmente, como música e filmes, enquanto 50 por cento estão dispostos a pagar por espectáculos Tv.

Apenas 20 por cento dos consumidores estão dispostos a pagar para blogs e menos de um quarto (24%) pagaria por conteúdo gerado pelo usuário de vídeo. Nielsen constatou que os consumidores são mais propensos a gastar dinheiro com o que atualmente pagam, ao invés do que eles já recebem gratuitamente.

Quase metade dos entrevistados globais indicaram que estaria aberto a mais anúncios para apoiar conteúdo gratuito, mas isso varia de acordo com mercado. Por exemplo, 57 por cento dos inquiridos no Oriente Médio, África e Paquistão estão mais abertos à publicidade, enquanto apenas 40 por cento na América e 39 por cento na Europa se sentem da mesma forma.

Fonte: Nielsen

Postar um comentário