11/28/2011

OH OW ! - ICQ no Mobile + Redes Sociais


O ICQ foi comprado por uma empresa gigante Russa, Mail.ru, que investiu na florzinha verde, integrando a outras redes sociais e inclusive com app pra mobile - hoje a plataforma possui mais de 35 milhões de usuários por mês. E na sua versão 7.7 vem agradando os outliers, por ser uma ferramenta de massa (nem todo mundo está no icq hoje em dia) e ainda é utilizada por pequenos grupos de amigos, organizações, clãs e pessoas que curtem a emoção do alerta "oh ow" hype agora também no celular.


Mais informações: Mail.Ru 
Existe um fã site brasileiro que evangeliza o ICQ no Brasil: http://www.icqrulez.com/

Tendência confirmada #eucoopero

11/17/2011

Números da internet no Brasil em 2011


A Beta-Id fez uma animação muito bacana que mostra dados sobre a internet no Brasil em 2011.
Para dar mais profundidade nesse post segue abaixo a transcrição dos dados que aparecem no vídeo:

- 81 milhões de usuários,
- Média de crescimento de 10% ao ano,
- 51% homens e 49% mulheres,
- Penetração por idade:
  • 12 a 15 anos 87%, 
  • 16 a 24 anos 85%, 
  • 25 a 34 anos 56%, 
  • 35 a 44 anos 41%, 
  • 45 a 59 anos 23% 
  • e 60 anos ou + 6%.
Penetração por classe social:
  • AB 75%
  • C 53%
  • DE 19%
Penetração por escolaridade:
  • Superior 90%
  • Fundamental 70%
  • Médio 28%
- 1 em cada 4 é estudante,
- 1 em cada 5 (15,6 mi) acessam pelo celular,
- A internet é 2ª opção do brasileiro em busca de notícia,
- Campeã de audiência na internet: mídias sociais - com 94% de adesão,
- Brasileiros gastam em média 5 horas por mês acessando as redes sociais,
- No Facebook os brasileiros são são 30 milhões - 54% são mulheres e 61% delas tem entre 18 a 34 anos,
- 36% dos brasileiros acessam diariamente o Facebook,

No Reino Unido as pessoas passam mais tempo no Facebook do que assistindo TV,
Nos Estados Unidos as pessoas passam mais tempo no Facebook do que no Google, Yahoo, Youtube, Microsoft, Wikipedia ena Amazon juntos.

Como as marcas estão utilizando as redes sociais:
- Twitter 65%
- Facebook 54%
- Youtube 50%
- Blogs 33%

76% das marcas usam redes sociais como estratégia de negócio,
74% das empresas acreditam que as redes sociais influenciam no ROI,
64% integram as redes sociais nos planos de marketing,

Faturamento estimado em publicidade digital no Brasil em 2011: 4,5 bilhões
15% do orçamento para publicidade já está na internet.

11/09/2011

Sua empresa na internet - Ô cabecinha! A abertura dos olhos da velharada

Nós que somos jovens profissionais, estamos o tempo todo nos forjando a comprovar o resultado do uso das tecnologias para as empresas conservadoras (e seus dirigentes antiquados). Mega complicado enfrentar essas barreiras nas pequenas, médias e grandes empresas. Mas o tamanho do desafio é o que nos motiva, não é mesmo?

A nova era está aí, a revolução já começou e não virá pelo rádio, jornal e muito menos via televisão. Estamos vivendo um momento histórico na humanidade em que muitos profissionais de comunicação, por pura ignorância ou arrogância baseada nos seus princípios de liderança antiga, quer dizer, dirigência (pois o líder é aquele que pensa nas pessoas e não em benefício próprio), acabam limando projetos maravilhosos de jovens profissionais que estão chegando no mercado de trabalho cheios de vontade de fazer acontecer.

O que dizer sobre a geração milenium que teve a boa sorte de crescer em meio a tecnologia? Incluindo seus viés ela possui seus benefícios, mesmo com a grande quantidade de informação e conteúdo, os hard users da web sabem muito bem onde procurar e quem seguir na rede para conseguir aquela informação preciosa que antes o diretor de marketing pesquisa nas revista e jornais. Santa tendência! Oremos para que eles, velhos profissas, abandonem os impressos e coloquem os aplicativos certos em seus tablets. Esqueça Veja, Valor, Exame e demais mídias de massa que falam sobre o mercado. Por mais que elas tenham conteúdo de qualidade e aprofundados, lembre-se que por trás de cada "matéria" existe uma grande empresa que influencia em todas as informações, mesmo sem ter o nome de informe publicitário (que é comprado). Não estou falando por achismo, acredite.

Vai esperar quanto tempo para colocar o seu analista junior dentro do planejamento de comunicação e mídia da sua empresa? Você não contratou o cara para somar na sua empresa? Então! Abra os olhos e dê uma chance do cara evidenciar o máximo do potencial dele com o que ele sabe e pode oferecer (e lembre ele disso).

Fica a dica para os profissionais da era da ditadura militar que ainda guardam pra si mesmos a sua experiência de longos anos que, por mais valiosa que seja, deve se abrir para o novo e dar mais oportunidades para quem sabe de verdade. A interdependência é muito mais forte que a independência. Pensei nisso.