7/11/2009

TREND TO WATCH


As tendências e inovações sempre estiveram presentes na minha vida acadêmica, na vida pessoal como hobby e a partir de agora na vida profissional também.

Fui contratado por uma das mais conceituadas empresas de pesquisa de tendências do mundo para trabalhar na filial de São Paulo diretamente com o segmento do público jovem, indo das mais bizarras gadgets, passando pelo mercado de moda e até novos serviços para esse público que gosta de fazer compras e não abre mão de qualidade, diferenciação e claro, ousadia.

Pra dar o start nesse novo caminho, duas propostas das famosas Vending Machines (tudo a ver com o post de baixo..hehe) surgiram no mundo, mas especificamente na Europa e agora estão sendo estudadas por duas empresas brasileiras pra avaliar a viabilidade local.

A primeira dela é para as meninas que decidiram ir para a balada com aquele sapato novo de salto gigantesco mas depois de algumas horas acabaram com bolhas, pés cançados e não querem ir embora de jeito de nenhum. Pois duas marcas inglesas tiveram uma solução ótima: vender sapatilhas (quase) descartáveis nas baladas.



Tanto a Rollasole quanto a Afterhills instalaram suas vending machines, identicas àquelas que vendem sodas e snacks, em diversas baladas do Reino Unido. Por enquanto, a Roll tem opções de sapatilhas prateadas, douradas e pretas, mas em breve lançará uma maior cartela de cores. A Afterhills oferece sua versão “pretinho básico” feita em material totalmente reciclável.

Quer saber o melhor? Elas custam pouco (entre 5 e 7 libras), aqui no Brasil devem surgir a bagatela de 30 reais e são embaladas em sacolas próprias para você carregar para qualquer festa e depois poder carregar os sapatos que tirou, claro.


A empresa que está bancando esse estudo é uma balada(claro), e não dá pra dizer o nome assim no vento, mas um bicho grande e colorido é o símbolo da marca, fica a dica.

O estudo está avaliando se as brasileiras também sentem essa necessidade de trocar de sapatos no meio da noite e se a sapatilha realmente seria a melhor pedida. Uma certa rasteirinha, também seria bem conveniente né.

Outra proposta que chegou ao nosso Lab é a vending machine de Pizza !!! Por mais bizarro que a idéia tenha chegado a sua cabeça, ela é bem viável.

Por algo em torno de 3.30 libras, a mini-pizza em 5 sabores diferentes pode ser comprada. Quente, crocante e nada parecido do os hot pockets da vida. Uma empresa italiana chamada Wonderpizza está vendendo agora a tecnologia para empresas do mundo todo que se interessarem. No Brasil, uma famosa rede de fast food italiano está avaliando se seria viável colocar sua linha de snacks inteira nessas máquinas tanto em estações de metrô, shoppings e em centros comercais.



Em menos de 2 minutos a pizza fica pronta, agora é esperar se a galera tupiniquim aceita essa pizza a jato em plena avenida Paulista.

Se interessou? Em breve mais informações aqui nesse blog mesmo, hehe.
Postar um comentário